Permita sincronia e fluxo em sua vida ☮️ Confie no seu caminho e esteja aberto a oportunidades


Pomada caseira de flores de Calêndula: Benefícios e Como Fazer


Ela já faz parte de uma série de produtos da indústria de cosméticos é conhecida pelo seu poder hidratante para a pele e cabelos. Mas a calêndula, flor do "bem me quer mal me quer", originária da Europa, traz uma série de outros benefícios para tratamento de problemas no corpo.

Calendula officinalis é o nome científico da planta pertencente à família Asteraceae, popularmente conhecida como calêndula ou maravilha. A calêndula é nativa da África central e foi trazida e disseminada no Brasil em meados do século XVIII. Ela possui muitos benefícios para a saúde, que são aproveitados principalmente na forma de óleo e pomada.

Além de tratar dores menstruais, desconfortos gástricos, dores de garganta e resfriados, uma das maiores vantagens da calêndula está em sua potente ação cicatrizante, antibacteriana e anti-inflamatória, que, por meio de uma pomada natural, pode ser utilizada para ajudar a curar ferimentos, hematomas, assaduras, queimaduras e acnes. Vale lembrar que a pomada não deve ser aplicada em feridas abertas ou sangrando ou em queimaduras recentes. O efeito da calêndula está relaciona à aceleração da cicatrizações lentas.

Esta pomada é perfeita para ter no seu estojo básico de primeiros socorros. Indicada para cortes e arranhões, pele inflamada, pequenas queimaduras, pele seca, lábios secos e rachados, erupções cutâneas.


INGREDIENTES
  • 1 xícara de flores secas ou frescas de calêndula;
  • 55 g de cera de abelha (também poderá usar manteiga de muru-muru, cupuaçu ou coco);
  • 1 xícara de azeite (ou outro óleo de boa qualidade como óleo de coco, óleo de amêndoas ou de semente de uva, por exemplo);
  • 10 gotas de óleo essencial de limão.
Os outros ingredientes que compõem a pomada, como a cera de abelha, o azeite e o óleo essencial de limão também têm seus benefícios. A cera de abelha e o azeite dão consistência para a pomada e contribuem para hidratar a pele. Já o óleo essencial de limão tem propriedades antivirais e antibacterianas, contribuindo para impedir o surgimento de infecções.

MANEIRA DE PREPARAR: 


  • Pique as flores frescas (colhidas no raiar do dia) ou use flores secas. As proporções são diferentes: se você for usar plantas verdes, picadas, use uma proporção 3 vezes maior do que se for usar ervas já secas (as ervas secas são mais concentradas).
  • Faça a infusão das flores no azeite. Para isso, coloque as flores de calêndula em um frasco de vidro e encha ele com o azeite. É preciso que todas as flores estejam completamente cobertas.
  • Deixe o frasco em uma janela que pegue sol por 2 a 3 semanas (a luz solar estimula as plantas a libertarem os componentes ativos). A cada 2 dias agite o frasco para as flores se movimentarem um pouco. 
  • Ao fim de 3 semanas, coe o óleo (utilizando, por exemplo, um saco de pano preso à borda de um recipiente de vidro - (o melhor é filtrar em tecido de algodão, branco, bem lavado e passado). Esprema o óleo ainda existente no filtro de pano. 
  • Agora é hora de ralar a cera de abelha e derretê-la em banho-maria, com o azeite de calêndulas. Quando a cera estiver derretida, retire do fogo e espere esfriar um pouco. Acrescente o óleo essencial de limão e misture bem. Coloque o bálsamo em frascos e conserve ao abrigo do calor e da luz.
Como utilizar: Aplicar sobre o local afetado, espalhando bem.


Informações sobre os ingredientes: A Calêndula (Calendula officinalis) é conhecida pelas suas propriedades anti-sépticas, anti-inflamatórias e curativas. Ajuda a regenerar a pele após irritações ou afecções ligeiras.




Um comentário:

  1. Caramba, não sabia de todos esses beneficios! E nem é trabalhoso de fazer. Adorei a dica!!!

    ResponderExcluir



PUBLICIDADE



Tecnologia do Blogger.